Orientação Pediátrica – como cuidar do filhote

filhotes comendo
  1. Rita Ericson disse:

    Olá Jeniffer,

    todos os cães “fungam”, independente da raça.
    Se estiver calor, o focinho costuma até pingar.
    Se ela estiver prostrada ou apresentar dificuldade respiratória, leve-a para atendimento veterinario.
    Mande noticias.
    Abraço
    Rita Ericson

  2. Rita Ericson disse:

    Olá Carla,
    os problemas dermatologicos apresnetam sintomatologia muito semelhante.
    É impossível opinar sem examinar seu animal.
    Leve-o para atendimento veterinário.
    Mande notícias.
    Abraço
    Rita Ericson

  3. Alice disse:

    Boa noite doutora Rita, eu tenho uma poodle toy de 2 meses, e notei que ela esta espirrando, e com o latido rouco. O que sera q esta acontecendo? Estou ficando preocupada!

  4. Jeniffer Alves Pescador disse:

    Acho que é por causa do calor mesmo. Ela é muito ativa, corre o dia todo, então acho que não é o caso de leva-la para atendimento, né?! Queria tirar outra dúvida, a Nina está com muita pulga e está passando as pulgas para o meu outro cachorro. Me recomendaram a não dar banho nela antes de acabar o ciclo de vacina, então eu estou passando uma vez por semana uma mistura de alcool, vinagre e agua com a ajuda de uma toalha no pelo dela, mas isso não está fazendo efeito nenhum contra as pulgas. Queria saber se posso dar banho nela com um shampool específico para eliminar as pulgas, ou usar algum outro produto, você pode me dar alguma sugestão do produto que devo usar? Lembrando que ela ainda tem 52 dias. bjinhos e obrigada!

  5. rafaele barbosa disse:

    Realmente são soluços e são com frequência +ou- 2 ou 3 veses ao dia,queria saber se poder algum problema?

  6. Rita Ericson disse:

    Olá Alice,

    estes sintomas podem ser comuns a diversas doenças.
    Impossível opinar sem examinar seu animal.
    Leve-o para atendimento veterinário.
    Leia o texto: http://www.bichosaudavel.com/gripe-canina-ou-tosse-dos-canis/
    Mande notícias.
    Abraço
    Rita Ericson

  7. Rita Ericson disse:

    Olá Jeniffer,
    não vejo problemas em darbanhos nestae periodo vacinal.
    Ela não deve frequentar nenhum local com outros cães, como petshops, por ex.
    O produto mais seguro para filhotes nesta idade é Front Line spray.
    ABraço
    Rita Ericson

  8. Rita Ericson disse:

    Olá Rafaele,
    fique tranquila, os soluços não oferecem nehum risco.
    Abraço
    Rita Ericson

  9. alesandro disse:

    Ola tenho um rottweiler com dois meses,gostaria de saber qual a idade que posso dar vitaminas para a musculatura e para a sua saude e tem alguma vitamina para me indicar?
    obrigado.

  10. carla disse:

    ola dr. rita fui ao veterinario e ele disse me que o cao e muito novo para ter alergias,e que nao apresenta vermelhidoes noi corpo,mas a verdade e que ele continua a cocar se bastante…acho que vou consultar outro veterinario porque sinto me mal ver o caozinho tao desconfortaval…obrigado

  11. Rita Ericson disse:

    Olá Alessandro,
    as rações de boa qualidade, para filhotes, são completas e oferecem tudo que um filhoe precisa para crescer saudável e forte.
    Não é recomendado acrescentar nenhum complemento, para evitar quebrar o balanceamento da ração.

    Leia o texto:
    http://www.bichosaudavel.com/qual-e-a-melhor-racao/

    Se restarem duvidas, entre em contato.
    Abraço
    Rita Ericson

  12. Rita Ericson disse:

    Depois você me conta, Carla.
    Abraço
    Rita Ericson

  13. Rita, tenho uma pastor e ja tem um tempo que dou os remédios de verme pra ela, porém ela continua cm sintomas que continua com vermes, olhos sujando e muito magra, come duas vezes ao dia e muito bem, dou fígado mal passado junto com a ração, ela toma muita água, morro de peninha dela. O que faço? porfavor me ajude. obrigado
    Espero que vc me responda pelo meu email, obrigado.

  14. adailton disse:

    Olá Dra Rita
    Ganhei uma cachorrinha de 2 meses , ela qd estava com a mãe e os irmãos dela , fica sempre quieta e qd todos ia comer ela deixava todos comerem e depois ela comia sozinha , trouxe ela tem 3 dias ela não está comendo direito e agora hj está com uma diarreia ( água pura ) , dei metade de comprimido de vermifugo hj e soro caseiro pra ela , o que devo fazer daqui diante ,o que pode ser ?

  15. Ytalo Oliver disse:

    Boa noite Dr. Rita,
    Minha cadelinha Poodle Zero tem 2 meses de idade e ela tomou a primeira vacina segunda-feira (22/04/13)e reagiu normal a vacina. Ontem, terça-feira (23/04/13), a empregada daqui de casa precisou botar um remedio de barata na tampa do ‘esgoto’ e quando foi hoje quarta-feira (24/04/13)ela acordou normal mas quando chegou na parte da tarde ela começou a ficar molinha e só dormir, não comeu desde então. Dei leite, ela bebeu um pouco e voltou a dormir e quando quer mudar de posição ela fica se arrastando.
    A minha pergunta é:Isso pode ser reação da vacina? 2 dias depois começar a ter reação? Ou tem haver com o cheiro do remedio de barata? Porque eu tenho ctz que ela não passou a lingua nem nada. Por favor, aguardo ansiosamente pela sua resposta. Desde já, obrigado.
    Att. Ytalo Oliver (: *

  16. Rita Ericson disse:

    Olá Maria José,
    Estes sintomas podem ser causados por diferentes motivos, não somente pela verminose.
    Eu não recomendo que os animais comam ração + outro alimento, leia o texto: http://www.bichosaudavel.com/racao-ou-dieta-caseira/
    É impossível opinar sem examiná-la.
    Leve-a para atendimento veterinário.
    Mande noticias.
    Abraço
    Rita Ericson

  17. Rita Ericson disse:

    Olá Adailton,
    estes sintomas podem ser comuns a diferentes causas.
    É impossível opinar sem examinar seu animal.
    Leve-o para atendimento veterinário.
    Mande noticias.
    Abraço
    Rita Ericson

  18. Rita Ericson disse:

    Olá Ytalo,
    acho pouco provável que estes sintomas se relacionem com a vacinação. As reações pós-vacinais, quando ocorrem, costumam ser imediatas, no dia da aplicação.
    As intoxicações podem ocorrer, especialmente nos animais pequenos, mesmo sem precisar haver ingestão.
    Se os sintomas persistirem, leve-a para atendimento veterinário. Pode até ser uma 3ª opção.
    É difícil opinar sem examiná-la.
    Mande noticias.
    Abraço
    Rita Ericson

  19. Carla Cintia disse:

    Olá gostaria de uma ajuda, estou com um vira- lata de 3 meses, ele é fofo. Ele ja tem um mês que veio pra casa. O rabo deel ta vermelho e ele fica labendo, levei ao veterinário, ele disse que era sarna, passou uma pomada e tudo, só que eu percebir tbm que ele vive colocando o bumbum no chão, parace que pinica e ele sai correndo e bota o bumbum no chão,será verme?? ou é sintoma mesmo de sarna?

  20. Rita Ericson disse:

    Olá Carla,

    os animais arrastam o anus no chão por diversos motivos…coceira (pode ser sarna ou qualquer outra causa), verminose ou até por mania!
    Ele está vermifugado?
    Apresenta pulgas?
    As lesões da sarna melhorararm?
    Mande noticias.
    Abraço
    Rita Ericson

  21. Carla Cintia disse:

    Olá estive aqui uma vez falando de meu cachorrinho que tava com sarna no rabo. Parece que as coisas pioraram, ele estar com a barriga, as patas todas vermelhas, e parece qeu ta descascando, ele fica so labendo e tbm ta com umas feridinhas. o que eu faço, o que dou pra ele? ele so tem 4 meses, é um vira- lata. Não tenho condinções de levar ele ha um veteinário por agora.Me ajudem. ele ja ta ate tristinho, não brinca mais como antes.

  22. Rita Ericson disse:

    Olá Carla,

    este sintomas (prurido, descamação, lesões na pele) podem ser comuns a diversas doenças.
    Impossível opinar sem examinar seu animal.
    Leve-o para atendimento veterinário.
    Mande notícias.
    Abraço
    Rita Ericson

    obs- Algumas universidades, instituições e prefeituras oferecem atendimento veterinário a preços populares e/ou gratuitos.

  23. Carla disse:

    Olá Rita! Tenho boas noticias sobre Marley, meu vira -lata de 4 meses, que te falei ele tava com o corpo saindo umas casquinhas e tava vermelho e ficava lambendo as patinhas.Pois é graças a Deus ele ta 90% melhor. Levei no veterinário e ele passou um spray fungicida, e um antialérgico.

  24. Rita Ericson disse:

    Maravilha, Carla!
    Fico feliz,
    abraço
    Rita Ericson

  25. Suyanne disse:

    OLá Boa Noite!

    Meu cachorrinho amanheceu muito ruimzinho, está bem quietinho no canto, fica tremendo o tempo todo, não consegue andar direito e chora quando tentamos coloca lo no colo ou até mesmo ajuda lo para subir no sofá, não se alimentou o dia inteiro, parece que ele está sentindo dor. O que devo fazer, há algum medicamento que posso dar para aliviar. Desde já agardeço

  26. Rita Ericson disse:

    Olá Suyanne,
    este sintoma pode ser comum a diversas doenças.
    Impossível opinar sem examinar seu animal.
    Leve-o para atendimento veterinário.
    Mande notícias.
    Abraço
    Rita Ericson

  27. andreia nunes disse:

    meus filhotinho estão com 30 dias e eu gostaria de saber se é normal que o xixi deles esteja bem amarelo escuro ou se pode ser algum problema de saude eu ja dei o remédio de vermes e estou esperando passar uns dias para dar as vacinas

  28. Suyanne disse:

    Olá Boa Tarde Rita!

    Levei ele, hoje pela manhã, já está bem melhor, ficou no soro, tomou alguns medicamentos e agora está dormindo…
    Obrigada!

  29. Rita Ericson disse:

    Olá Andreia,
    em geral, a urina escura e concentrada pode ser atribuida a pouca ingesta de liquidos.
    Nesta fase, a maioria dos filhotes já não mama muito e ainda não bebe muita água.
    Se eles estão ativos e saudáveis, fique tranquila.
    Ofereça água para eles, estimule-os a beber.
    A vacinação deve ser iniciada as 45 dias, aproximadamente e somente se os filhotes estiverem saudáveis.
    Abraço
    Rita Ericson

  30. Paula disse:

    Boa tarde.
    Gostaria de tirar uma dúvida.
    Comprei uma cadela ontem da raça Labrador, percebi que a boca dela tem umas dobrinhas que na primeira vez que olhei pareciam pontos de cirurgia. mas não sei o que é.
    E também notem que a pelagem em volta dos olhos e cotovelos são bem ralas. isso é normal?

  31. Rita Ericson disse:

    Olá Paula,
    impossível opinar sem examinar seu animal.
    Leve-o para atendimento veterinário.

    Abraço
    Rita Ericson

  32. Gabriela disse:

    Boa noite Dra.
    Comprei a Bia com 50 dias (shih tzu) e no primeiro dia em casa ela apresentou fezes moles e um pouco de sangue no fim das fezes, inclusive no papel que eu limpei o bumbum… Durante esta noite ela acordava de hora em hora para fazer xixi iu coco e tinha picos de agitação como pulos, perceguindo algo e latindo (como se visse um espirito) e mordendo o rabo ou pata, porem depois de fazer as necessidades parava. No outro dia liguei para a criadora e falei das fezes e ela me aconselhou levar ela de volta ao canil pra ser observada pela veterinaria, e para ficar mais forte pois é beeem pequenininha. O que pode ser isso? Estou com medo de perder meu bebe, obrigada desde já.

  33. Rita Ericson disse:

    Olá Gabriela,
    os cães costumam apresentar estes sintomas quando estão com cólicas, é bastante frequente.
    Mande noticias.
    Abraço
    Rita Ericson

Faça sua pergunta!

A decisão já foi tomada, você e sua família se planejaram, a espécie e a raça foram escolhidas e chegou um novo integrante para a família.

E agora? Como cuidar do filhote?

Inicialmente, peça orientação para a pessoa que lhe vendeu ou doou o animal. É importante saber se o filhote já foi vermifugado, se tomou alguma dose de vacina e qual alimentação ele está recebendo.

Alimentação

Para oferecer uma boa dieta, equilibrada e balanceada, o mais prático é  alimentar o filhote com ração seca. Existem opções de dieta caseira, mas ela deve ser formulada por um médico veterinário. Se você quiser trocar a marca da ração oferecida anteriormente, faça uma mudança gradual. Misture a ração antiga com a nova aos poucos até a substituição completa (aproximadamente 5 dias).

Se o filhote ainda não conseguir comer os grãos da ração, procure uma fórmula de desmame nas pet shops (alimento em pó para misturar com água e fazer uma “papinha”).

Não ofereça leite de vaca. A maioria dos filhotes de cão e gato apresentam fezes moles e até diarreia.

A água deve ser oferecida à vontade. No começo os filhotes quase não bebem água e fazem uma bagunça danada.

Se quando ele crescer continuar derramando água do pote, considere usar um bebedouro para cães. Existem diferentes tipos, que se adaptam às torneiras ou de bilha para o animal lamber a água. É necessário ensinar o cão a usar estes bebedouros! À venda nas pet shops ou na Bitcão, clique aqui.

Eles devem comer ração de boa qualidade para filhotes e não precisam de suplementação vitamínica (Cálcio, Ferro etc). A idade para mudar a ração “de filhotes” para “adultos” varia de acordo com o porte do animal. Os cães de raça grande, em média, aos 18 meses. Os de raça pequena, aos 12 meses.

Os gatos podem ter que mudar a ração para “adultos” logo após a castração, especialmente em animais com tendência para obesidade.

Não devemos oferecer alimento humano para cães e gatos por 2 motivos: nem todos são seguros para os animais e também para não criar um mau hábito. Em geral, nossa comida é mais saborosa e cheirosa. Os animais já demonstram interesse só de sentir o aroma. Se eles provam…ferrou! Vão sempre querer ganhar um pedacinho. Se o alimento em questão for seguro, não teria problema, mas a tendência é seu animal insistir muito e até te chatear para ganhar um pouquinho. Neste caso, se você quiser oferecer um pedaço de fruta ou legume, por exemplo, coloque no prato do seu cão ou gato. Assim, ele não vai achar que basta implorar e olhar para cima que ele ganha um petisco!

O filhotes de cães devem comer, inicialmente, 4 vezes ao dia. Em seguida (aproximadamente aos 4 meses), 3 vezes e a partir de 5-6 meses, 2 vezes ao dia. Cães não devem comer somente uma vez ao dia, em nenhuma fase da vida.

Gatos beliscam o dia todo, precisam ter alimento disponível, mas com a quantidade controlada.

A quantidade de alimento diária está impressa em tabelas nas embalagens das rações. Esta quantidade varia de acordo com a marca da ração e o peso do animal.

A obesidade deve ser evitada. É muito mais fácil não deixar um animal engordar do que emagrecê-lo depois.

Saiba mais sobre obesidade, clicando aqui.

Os animais adoram atenção e o ser humano adora alimentar, esta combinação é perigosa! A cada vez que o animal pede atenção, nós interpretamos como fome e oferecemos algum alimento. Desta forma, ele aprende que toda vez que ele pede, ganha. Isto vira um ciclo vicioso. Experimente brincar, escová-lo ou fazer carinho neste momento, ao invés de alimentá-lo.

Vermifugação

Todo filhote deve ser vermifugado. Converse com o veterinário e com a pessoa que te deu ou vendeu o animal. Na dúvida, vermifugue novamente, de acordo com o peso do seu filhote.

Se o seu filhote estiver com as fezes moles ou com diarreia, leve-o para atendimento veterinário.

Vacinação

O programa inicia aproximadamente aos 45 dias, tanto em gatos como em cães. As doses seguintes devem ser aplicadas com intervalo de 3 a 4 semanas. A anti-rábica deve ser aplicada junto com a última dose da vacina, aproximadamente aos 4 meses de vida do filhote.

Os cães são vacinados contra: hepatite, adenovirose, cinomose, parvovirose, parainfluenza, coronavirose e leptospirose.

Os gatos recebem vacina contra: panleucopenia, rinotraqueíte e calicivirose.

Existem outras vacinas, tanto para cães quanto gatos que devem ser aplicadas de acordo com a necessidade de cada animal. Alguns exemplos:

Cães- gripe canina, giardíase, leishmaniose

Gatos- leucemia felina, clamidiose

Os filhotes só devem entrar em contato com animais desconhecidos ( não sabemos se foram vacinados ou não, se estão saudáveis ou não) e com um ambiente possivelmente contaminado (chão com fezes,urina e secreções de animais doentes – rua) após tomarem a última dose da vacina específica para cada espécie.

A revacinação é anual. Os gatos estritamente domiciliados podem ter o intervalo entre as vacinas aumentado, converse com seu veterinário.

Para saber mais sobre vacinação, clique aqui.

Banhos

Não é verdade que filhotes não podem tomar banho. Eles não podem é sentir frio. Até aproximadamente 4 meses, os filhotes não são capazes de regular a temperatura do próprio corpo (endotermia).

Os gatos podem passar a vida inteira sem tomar nenhum banho, mas é fundamental escová-los. Acostume-o desde filhote. Use uma escova bem macia (para neném ou até mesmo escova de roupa) e se necessário, troque por outra quando ele já estiver acostumado. Comece escovando poucos minutos (ou até segundos) e vá aumentando o tempo. Assim retiramos pelos soltos (caem menos pela casa e eles engolem menos pelos quando se lambem), sujeira e inspecionamos a pele do nosso gato.

Os filhotes de cão podem tomar banho, mas a água deve estar morna, o ambiente quente e o banho deve ser rápido. Seque-o bem com toalhas e se precisar, use o secador de cabelo. Cuidado para não queimá-lo! Coloque sempre sua mão embaixo do secador para sentir a temperatura. Se estiver te incomodando, afaste ou diminua a temperatura.

Prefira sempre xampus e sabonetes específicos para animais e evite os inseticidas. Existem várias opções seguras de produtos contra parasitos (pulgas e carrapatos), não precisamos correr o risco de intoxicá-los com talcos, xampus e loções.

A ideia é que o cão tome o menor número de banhos possível! Você pode escová-lo e usar lenços umedecidos para aumentar o intervalo entre os banhos e mantê-lo limpo e cheiroso.

Saiba mais sobre banhos aqui.

Evite usar perfume. Além do risco de alergias, o cão fica com o olfato prejudicado se estiver com um cheiro forte no próprio corpo.

Dentes

Escovar os dentes é fácil, se o seu filhote for acostumado desde cedo. Comece com uma escova bem macia, por alguns segundos e premie seu animal com um petisco ao final de cada escovação. Aos poucos vá aumentando o tempo até conseguir escovar todos os dentes. Todos os filhotes de cães e gatos trocam os dentes, assim como as crianças! Aproximadamente aos 4 meses, ocorre esta substituição. Nem sempre percebemos o dente mole e a “janelinha” porque o dente definitivo substitui o dente de leite somente quando este está pronto para cair. As vezes o dente cai no chão, as vezes é engolido…sem problemas. Mesmo sabendo que eles vão trocar a dentição de leite pela definitiva, vale a pena iniciar cedo, para eles acostumarem. Se possível, escove os dentes do seu animal, diariamente.

Pulgas,  Carrapatos e Filariose

Converse com seu veterinário.

Existem produtos seguros (que não são tóxicos) que devem ser aplicados de forma preventiva, mensalmente.

Antes de levar seu animal para passear pela primeira vez, use um produto para evitar que ele leve parasitos para sua casa.

A filariose é uma verminose transmitida por mosquito, que se instala no coração de cães (nos gatos é raro, mas possível). Existem áreas endêmicas (aqui no RJ, a região dos lagos, por ex.) e outras com menor incidência – converse com seu veterinário.

A filariose também deve ser prevenida mensalmente.

Obediência

Já dizia o ditado…é de menino que se torce o pepino!

Os filhotes são completamente capazes de aprender, mas precisamos ter paciência. Quanto antes eles souberem o que nós esperamos deles, melhor.

É muito comum as pessoas deixarem o filhote fofo e limpinho subir na cama, no sofá etc. Assim que ele cresce um pouquinho, mudam de ideia. Assim ele fica confuso!

Mostre o que pode e o que não pode, desde cedo. Quantas vezes ele subir no sofá proibido (vale para gatos também), mande-o descer. Não pode  relaxar! O ideal é fazer um barulho estranho para interromper a “ação” dele. Você pode fazer um chiado com a boca ou usar um chocalho, apito, bater palmas…se o seu cachorrinho for muito teimoso e repetir muitas vezes, coloque-o de castigo. O isolamento social (pequeno ambiente, como um banheiro por ex.) por 5 minutos  é a melhor técnica.

Para evitar que os gatos subam nas bancadas da cozinha, na mesa de jantar etc, devemos corrigí-los com um susto. Um borrifador ou uma pistola d`água funcionam bem. Deixe sua “arma” a mão e dê um “tiro” de água toda vez que ele escalar um local proibido. Alguns gatos não se incomodam e até gostam do jato d` água. Neste caso, faça um barulho estranho (como descrito acima).

Para ensinar os filhotes de cães a usarem uma área específica pra urinar e defecar, clique aqui e leia o texto.

Os gatos costumam usar a caixa sanitária, espontaneamente. Mas ajuda muito posicioná-la em um local tranquilo (longe da maquina de lavar ou de uma área com muita circulação de pessoas ou animais) e mantenha-a limpa. A conta básica é uma caixa para cada gato da casa. Ela deve ter um tamanho mínimo para caber o gato inteiro dentro dela.

Acostume seu cachorrinho a usar a coleira e a guia em casa, antes mesmo de poder passear na rua. É muito frequente o primeiro passeio na rua ser quase um quadro de humor…o filhote empaca, se embola nas pernas do dono, enfim, não custa nada treinar um pouquinho em casa antes de sair para rua.

SEMPRE LEVE SACOS PARA RECOLHER AS FEZES DO SEU CACHORRO DA RUA.

Considere adestrar seu cachorro. A obediência básica se conquista em pouco tempo e transforma a relação do cão com seu dono. Um cão educado pode acompanhá-lo a passeios, festas e casas de amigos. Não temos o direito de incomodar quem não gosta ou quem tem medo de animais. É responsabilidade do tutor (prefiro do que proprietário) ensinar seu animal a não pular e não latir exageradamente.

Você pode adestrar seu cão sozinho ou com ajuda de um profissional (fica bem mais fácil!).

Esterilização

É recomendável castrar as fêmeas de cães e gatos antes do primeiro cio para evitar o surgimento de tumores de mama no futuro. Em geral, o primeiro cio ocorre em torno dos 6 meses de vida.

Os machos de gato, costumam urinar na casa para marcar território e procurar qualquer alternativa para fugir e sair para cruzar, considere castrá-lo precocemente.

Saiba mais sobre esterilização clicando aqui.

Enriquecimento Ambiental e Diversão

Os filhotes precisam de muita atenção e brincadeira. Se você não tem tempo ou disposição, desista de adotar ou comprar um.

Existem brinquedos de todos os tipos e tamanhos. Cuidado com aqueles que soltam pedaços que podem ser engolidos. O ideal é que a brincadeira seja sempre iniciada por nós, humanos. Deixar uma cesta de brinquedos, parados num canto não é brincar. Chame seu animal e comece a jogar uma bolinha ou puxe uma cordinha para seu gato “caçar”. O momento de encerrar a brincadeira também deve ser determinado por nós, a não ser que seu filhote esteja precisando de uma pausa para descansar.

Os gatos gostam muito de “postos de observação”. Você pode deixar uma prateleira vazia ou até mesmo instalar algumas para ele ficar olhando o mundo lá do alto. Veja alguns exemplos, clicando aqui .

Ofereça um arranhador para ele renovar suas unhas e evitar seus estofados. Se ele não estiver usando, posicione-o próximo ao móvel preferido e corrija-o sempre que ele arranhar o móvel. Aplicar um pouco de catnip (erva do gato) no arranhador também ajuda (para saber mais sobre arranhadores, clique aqui).

Os cães precisam passear. Por mais que seu animal seja pequeno ou sua casa muito grande, os passeios são fundamentais. Na rua, os cães são estimulados (percebem e deixam odores, escutam sons diferentes), socializam com outros animais e pessoas, além de fortalecer os laços com seu dono.

Estas orientações são uma base para uma parceria harmônica e para seu animal crescer de forma saudável.

Converse com um/uma veterinário/a e tire todas as suas dúvidas!


Carregando..
 
 
focinho do cachorro
rabo do gato